Press "Enter" to skip to content

Candidíase Vaginal – SINTOMAS, CAUSA E TRATAMENTO

Candidíase Vaginal – SINTOMAS, CAUSA E TRATAMENTO

O que é a candidíase vaginal?

Candidíase vaginal é uma infecção ginecológica causada pelo fungo Candida albicans ou Moníliase. É uma doença extremamente comum entre as mulheres, por fazer parte da flora na região íntima da mulher, este fungo se hospeda em lugares, fechados, quentes e úmidos sendo assim a vagina é o lugar perfeito para eles, a doença se manifestam quando a resistência do organismo ou da vagina diminui, causadas por imunidade baixa, estresse, má alimentação, gravidez, diabetes, a toma de antibióticos e o excesso de peso, facilitando assim a ação do fungo.

A inflamação genital da candidíase se dá pelos sinais e sintomas como intensa coceira, vermelhidão local, ardência ao urina, corrimento expresso, grumoso e esbranquiçado ou esverdeado, e dor na relação sexual, ela não é considerada uma DST (doença sexualmente transmissível), pois o fungo vive naturalmente na flora vaginal e só se torna um problema quando se prolifera de maneira desenfreada.

Como tratar a candidíase?

Nos casos mais simples a candidíase pode ser tratada através da aplicação de pomadas antifúngicas aplicadas diretamente na vagina como nistatina, gino-canesten, miconazol, itraconazol, terconazolcicloexilmetilamina ou cetoconazol, está pomada deve ser aplicada no mínimo duas vezes ao dia conforme o seu ginecologista prescreva.

Outra opção é o fluconazol comprimido antifúngico de 150 mg em dose única oral ou em 3 doses, durante 3 dias separados de 72horas. Ambas formas de tratamento têm taxas de sucesso acima de 90%, mas a posologia por via oral é mais confortável por ser simples e curta, sendo atualmente a forma mais utilizada. No entanto os comprimidos por via oral como os pomadas são eficazes, no entanto, os sintomas diminuem mais rapidamente quando o tratamento é feito diretamente na vagina, com pomada, comprimido ou óvulos.

Para o tratamento da doença também são recomendados medidas simples como:

  • Devem-se evitar vestuários inadequados; (roupas apertadas e biquínis molhados; lycra e roupa de academia que aumentam a temperatura vaginal);
  • Tomar banho diariamente;
  • Não utilizar desodorantes íntimos;
  • Abstinência sexual durante o tratamento;
  • Usar camisinha.
  • Uma boa alimentação;

Tratamentos caseiros para a candidíase

  • Iogurte com lactobacillus por via oral ou por via vaginal.
  • Óleo de coco.
  • Comer ou passar alho na vagina.
  • Aplicações de vinagre.
  • Aplicações de suco de limão.
  • Comer maçã.
  • Suplementos de vitaminas.
  • Probióticos.
  • Ômega 3.
  • Lavar e secar bem a região íntima antes de dormir;
  • Utilizar roupa pouco apertada e de algodão;
  • Dar preferência para a ingestão de probióticos e lactobacillus, como iogurte;
  • Dormir sem calcinha;
  • Fazer a higiene íntima com gel vaginal com ph, evitando todos os produtos e sabonetes químicos.

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mission News Theme by Compete Themes.